Árvores nativas abatidas “indiscriminadamente” em liceu de Faro

O projecto de remodelação da Escola João de Deus, em Faro, prevê o “abate indiscriminado” de ulmeiros, oliveiras, alfarrobeiras e eucaliptos vermelhos, que deverão ser substituídos por espécies exóticas. A comunidade escolar afirma-se preocupada e reclama a reformulação do projecto inicial.

As obras começaram em Outubro e, há alguns meses, corre uma petição online para salvar o coberto vegetal que ladeia do Liceu de Faro, o mais antigo do Algarve. Apesar de exigirem mais manutenção e, consequentemente, acarretarem mais custos para a escola, o plano é plantar-se jacarandás, palmeiras, ciprestes e bambus, em detrimento das espécies autóctones.

A intervenção, ao abrigo do Programa de Modernização das Escolas do Ensino Secundário, orçada em 13 milhões de euros, fará com que o liceu fique com mais salas de aula, uma nova biblioteca, um novo campo de jogos e um novo auditório, adianta o jornal Região Sul.

Notícia retirada de: http://www.greensavers.pt/2011/08/01/arvores-nativas-abatidas-indiscriminadamente-em-liceu-de-faro/

About antiarboricida

Grupo de Voluntários do Núcleo do Porto da Quercus
This entry was posted in Uncategorized. Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s